14.04.2018 | 12h25

Dodge: do céu ao inferno nas redes sociais

A procuradora-geral da República foi o céu ao inferno nas redes sociais em poucas semanas. Quando pediu a prisão a prisão dos amigos de Michel Temer ou defendeu a negativa de habeas corpus a Lula e Antonio Palocci, a sucessora de Rodrigo Janot só recebeu elogios dos defensores da Lava Jato.

Bastou denunciar Jair Bolsonaro por racismo que passou a ser alvo dos piores impropérios da parte de seguidores do candidato do PSL nas redes sociais. Acusada, inclusive, de parcialidade e de tentar prejudicar sua candidatura. Mesmo discurso, aliás, dos lulistas nas últimas semanas. / V.M.


VOLTAR PARA O ESTADÃO