18.10.2018 | 09h24

Doadores crescem, doações caem

Na primeira eleição geral sem o financiamento de empresas, o número de doações de pessoa física aumentou 10% em relação à 2014. O valor doado, porém, caiu em mais de 1/3, segundo levantamento feito pelo Estadão com base nas prestações de contas enviadas ao TSE.

A dez dias do fim do segundo turno, 152 mil pessoas doaram algum valor para financiar campanhas, o que somou R$ 450,2 milhões. Em 2014, foram 138 mil doadores (pessoa física) que repassaram às campanhas R$ 708,9 milhões, em valores atualizados.


VOLTAR PARA O ESTADÃO