02.10.2018 | 06h46

Dirceu irrita o PT

As declarações recentes de José Dirceu irritaram a cúpula do PT e o comando da campanha de Fernando Haddad, por colocarem o partido mais na defensiva na reta final da campanha. A avaliação é que as falas do ex-ministro sobre o partido “tomar o poder” e a necessidade de tirar poderes do STF e do Ministério Público, combinadas à revelação dos termos da delação de Antonio Palocci, podem prejudicar muito a candidatura de Haddad.

Por isso, o comando petista diz ter repreendido Dirceu –como se ele alguma vez tivesse se submetido a ordens do comando petista. A ordem é dizer que ele não tem nenhum papel na campanha de Haddad, informa o Estadão.


VOLTAR PARA O ESTADÃO