15.02.2019 | 07h51

Dinheiro de campanha na empresa do filho

Até aqui poupado na crise em torno das suspeitas de que o PSL usou um laranjal de candidaturas femininas nas eleições, Luciano Bivar, o presidente de fato da sigla, começa a entrar no olho do furacão. Reportagem no Estadão desta sexta-feira mostra que o deputado federal de Pernambuco transferiu recursos de campanha para a empresa de um dos filhos.

A Nox Entretenimento, de Cristiano de Petribu Bivar, recebeu R$ 250 mil do fundo eleitoral. Foi o segundo maior gasto da campanha de Bivar. A Nox teria produzido vídeos para campanha. O telefone registrado pela empresa na Receita Federal é o mesmo do escritório de advocacia Rueda e Rueda, no Recife, que vem a ser de Antonio Rueda, presidente do PSL pernambuco.


VOLTAR PARA O ESTADÃO