23.11.2018 | 16h29

Dilma virá ré por corrupção

Sexta-feira amarga para os ex-presidentes Luiz Inácio Lula da Silva e Dilma Rousseff, os ex-ministros da Fazenda Guido Mantega e Antonio Palocci e o ex-tesoureiro do PT João Vaccari Neto. Todos eles viraram réus devido as acusações contidas no inquérito conhecido como “quadrilhão do PT”. A denúncia foi aceita pelo juiz federal Vallisney de Souza Oliveira, da 10º Vara Federal do Distrito Federal.

“Segundo a acusação, com base nas provas documentais juntadas aos autos, os réus (até o ano de 2016) integravam organização criminosa quando de suas respectivas atuações como membros do PT e ainda por meio de condutas ligadas a exercício de mandatos como Presidentes da República, ministros de Estados e de integrante do referido Partido, tendo sido cometidos diversos crimes contra a Administração Pública (entre os quais corrupção) e lavagem de dinheiro”, escreveu o juiz.


VOLTAR PARA O ESTADÃO