03.07.2018 | 15h21

Dilma pode parar no TSE

Ministros do Tribunal Superior Eleitoral avaliam que o entendimento do Senado sobre Dilma Rousseff, mantendo seus direitos políticos, pode ser revisto. Ao Jota, integrantes da corte disseram que a medida foi uma decisão política, que pode ser revista pela Justiça. Outros especialistas afirmam que a decisão seria do STF.

Em 2016, a Casa cassou a então presidente afastada e, neste ano, deve se candidatar ao Senado pelo Estado de Minas Gerais.


VOLTAR PARA O ESTADÃO