08.04.2018 | 16h02

Dilma insiste em ‘falta de provas’

Dilma Rousseff divulgou nota neste domingo, 8, sobre a prisão de Lula. A ex-presidente insistiu que o colega foi injustamente condenado e que “sua prisão é mais uma etapa do golpe iniciado em 2016”, repercute o Blog do Fausto.

Além de afirmar que ela mesma não cometeu crimes que justificassem seu impeachment, Dilma defendeu que não há provas contra o ex-presidente. “Lula tornou-se um preso político, vítima de uma perseguição implacável de adversários, que lançam mão do lawfare para calá-lo e destruí-lo, no esforço de desqualificar seu papel perante a história e o povo brasileiro.


Mais conteúdo sobre:

prisão de LulaDilma Rousseff
VOLTAR PARA O ESTADÃO