13.11.2018 | 11h01

Dez vezes mais

Neste ano, candidatos à reeleição receberam dez vezes mais do que candidatos sem cargo para fazer suas campanhas, segundo o Movimento Transparência Partidária que cruza dados de receitas e despesas registrados no TSE.

Em média, quem tentava se reeleger levou R$ 611 mil do fundo eleitoral e partidário, enquanto os políticos que não tinham cargo tiveram uma receita de R$ 59 mil, informou o Globo.


VOLTAR PARA O ESTADÃO