22.03.2018 | 07h25

Destinos de Lula e Eduardo Cunha se cruzam

O Tribunal Regional Federal da 4ª Região julgará no mesmo dia recursos de Lula e do ex-presidente da Câmara Eduardo Cunha, o grande responsável por articular o impeachment de Dilma Rousseff em 2015.

Preso desde outubro de 2016, Cunha foi condenado pelo juiz Sérgio Moro a 15 anos e 4 meses de prisão por corrupção, lavagem de dinheiro e evasão fraudulenta de divisas, na Lava Jato.

 


VOLTAR PARA O ESTADÃO