01.02.2019 | 09h09

Desafeto de Bolsonaro no comando da OAB

O advogado Felipe Santa Cruz é o novo presidente da Ordem dos Advogados do Brasil. E é também um antigo desafeto de Jair Bolsonaro, a quem já chamou de fascista”, como mostra reportagem do Estadão. Bolsonaro, por sua vez, já disse que Fernando Santa Cruz, pai de Felipe, “morreu bêbado pulando carnaval”. Ele foi preso pelo governo em 1974 e desapareceu.

Em sua gestão, Santa Cruz disse que quer a entidade na “linha de frente” da defesa do direito de minorias, justamente um tema que dá coceira no atual ocupante do Palácio do Planalto. “Que aqueles que acreditam que o processo civilizatório pode ter rupturas que se tranquilizem, porque aqui está o escudo da Constituição”, disse no discurso de posse.


Mais conteúdo sobre:

OAB
VOLTAR PARA O ESTADÃO