02.09.2018 | 14h14

Derrocada lulista anima adversários

Ciro Gomes e Geraldo Alckmin ficaram animados com o indeferimento da candidatura de Lula, conforme demonstraram seus aliados em atos com os dois candidatos neste domingo, 2, em São Paulo. “Agora que as coisas ficam mais claras, a possibilidade de Ciro cresce muito em São Paulo”, disse o candidato ao Senado Antonio Neto (PDT), em Jundiaí.

Já João Doria disse em São Bernardo do Campo, como informa Marcelo Osakabe, do Estadão: “Fernando Haddad não gostava de trabalhar, quando era prefeito começava às 9 horas e terminava às 6 e meia, não trabalhava no fim de semana”. Haddad deve substituir Lula como cabeça da chapa petista.


VOLTAR PARA O ESTADÃO