06.03.2019 | 13h26

Deputado prefere faltar a ‘ficar igual macaco no plenário’

Com sete faltas às 11 sessões deliberativas da Câmara dos Deputados, Vinicius Gurgel (PR-AP) justifica assim suas ausências: “Às vezes prefiro buscar recursos nos ministérios do que ficar igual macaco no plenário só discutindo ideologias , parecendo um campo de guerra”, disse ele a O Globo.

Em seu segundo mandato, Gurgel, ex-integrante da tropa de choque de Eduardo Cunha, coleciona polêmicas. Uma delas é a dos reembolsos da Casa, no qual gastou R$ 190 mil com aluguel de carros e embarcações. Também já foi condenado a pagar multa de R$ 15 mil por publicar foto votando, além do caso da suspeita de falsificação de assinatura para barrar a cassação do ex-presidente da Câmara do MDB, hoje preso.


Mais conteúdo sobre:

Vinicius Gurgel
VOLTAR PARA O ESTADÃO