21.02.2019 | 16h30

Denarium na expectativa

O governador de Roraima, Antônio Denarium (PSL), aguarda posição do Itamaraty para saber se cancela ou modifica o plano da entrega de ajuda humanitária à Venezuela. Segundo ele afirmou à rádio CBN, o “Brasil não vai fazer nada ilegal”. Ele sugere fazer o gesto, de peso político, “do lado de cá da fronteira”.

O presidente venezuelano Nicolás Maduro fechou a fronteira do país vizinho com o Brasil. A previsão era de que o comboio brasileiro fizesse a entrega de alimentos e medicamentos no sábado, 23.


VOLTAR PARA O ESTADÃO