10.01.2019 | 18h08

Demissão na Apex gera crise no Itamaraty

A demissão do presidente da Apex, Alex Carreiro, parece ter gerado uma crise no Itamaraty. Carreiro foi trabalhar normalmente nesta quinta-feira, 10, mesmo após o chanceler Ernesto Araújo ter anunciado via Twitter que ele próprio havia pedido demissão. No mesmo tuíte, Araújo anunciou até mesmo um substituto para Carreiro, o embaixador Mario Vilalva. Segundo a Coluna do Estadão, Carreiro confidenciou para amigos que aceitaria apenas ser demitido pelo presidente Jair Bolsonaro e não pelo ministro. O presidente da Apex teria ficado insatisfeito com a nomeação de Letícia Catellani  na diretoria da agência.


VOLTAR PARA O ESTADÃO