30.07.2018 | 07h16

DEM e PSDB separados nos Estados

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia, disse que não há possibilidade de o DEM retirar candidatos a governador em Estados em que há conflito de palanques com o PSDB. Ele usou a convenção do partido no Rio, que lançou Eduardo Paes, para confirmar as postulações em Minas, Goiás e Mato Grosso.

“A gente vai ter candidato de qualquer jeito. Não abrimos mão de jeito nenhum. Eu disse isso ao (ex-) governador Geraldo Alckmin, quando estive com ele nessa semana. O DEM tem projeto de fortalecimento de seus palanques em todos os Estados que tivermos condições”, afirmou Maia.


VOLTAR PARA O ESTADÃO