16.03.2019 | 12h51

Deltan: ‘Faremos tudo para defender o trabalho da Lava Jato’

O procurador da República Deltan Dallagnol disse na manhã deste sábado, 16, que fará “tudo o que for legítimo e estiver ao alcance para defender o trabalho da Lava Jato”, o comentário do coordenador do MPF na Lava Jato em Curitiba se refere à decisão do Supremo de enviar para a Justiça Eleitoral os crimes comuns que tenham conexão com o caixa 2.


Integrantes da operação vêm criticando a decisão por entenderem que ela pode enfraquecer suas ações, avaliando que a Justiça Eleitoral não tem instrumentos para analisar esses casos. “Infelizmente, contudo, isso foge ao nosso controle. A anulação dos casos será discutida por 2, 3, 5, 10 anos em HCs e recursos em várias instâncias na JF e JE. E sugará energia das investigações”, escreveu no Twitter.

VOLTAR PARA O ESTADÃO