28.04.2018 | 17h03

Delator piora situação de Jucá

Novo depoimento do ex-diretor de Relações Internacionais da Odebrecht Cláudio Melo Filho reforça as acusações feitas por ele contra o líder do governo no Senado, Romero Jucá (MDB-RR). Segundo o Estadão, Melo disse que o pagamento se devia não só à intermediação de interesses da empresa em medidas provisórias, mas a sua “importância política”.

A defesa do senador criticou a delação e investigações que não terminam nunca sobre doações que nada têm de irregulares.

 


VOLTAR PARA O ESTADÃO