04.10.2018 | 18h07

Dallagnol critica uso ‘hipócrita’ pró-Lava Jato

O procurador Deltan Dallagnol, coordenador da força-tarefa da Lava Jato no Ministério Público Federal do Paraná defendeu a possibilidade de medidas judiciais contra candidatos durante a eleição e admitiu que a pauta anticorrupção tem sido apropriada por grupo com interesses difusos. “O que é ilegítimo é usar isso como um instrumento, de modo hipócrita, num discurso que não se confirma por atitudes e comportamentos, para alcançar interesses próprios”, disse à Folha.


VOLTAR PARA O ESTADÃO