09.07.2018 | 13h24

Cunha e Geddel ficariam felizes com HC de Lula

Se a decisão do desembargador Rogério Favreto para libertar Lula neste domingo tivesse se mantido, poderia beneficiar réus da Lava Jato como Eduardo Cunha e Geddel Vieira Lima. Reportagem do Estadão explica que eles poderiam “se inspirar” na alegação de que a manutenção da detenção do ex-presidente prejudicaria o direito dele exercer seus direitos políticos. Especialistas ponderam, no entanto, que o argumento é fraco e dificilmente se sustentaria.


VOLTAR PARA O ESTADÃO