04.09.2018 | 09h48

Culpa do universo

“O incêndio do Museu Nacional, no Rio, que destruiu parte importante de seu acervo, é uma tragédia para a ciência e o patrimônio cultural do país. Ao que tudo indica, as péssimas condições de conservação do prédio e a falta de equipamentos antifogo foram determinantes para aumentar a escala dos estragos”, escreveu Hélio Schwarstman na Folha.

O articulista atribui o incêndio à natureza do universo e critica aqueles que querem colocar o ocorrido apenas na conta do atual governo.


VOLTAR PARA O ESTADÃO