15.11.2018 | 18h50

Cubanos deixam Brasil até 31 de dezembro

Os cubanos que participam do Mais Médicos devem deixar o Brasil até o dia 31 de dezembro, ou um dia antes da posse de Jair Bolsonaro na presidência da República. De acordo com o colunista de O Globo, Lauro Jardim, o receio do governo de Cuba era de que o novo presidente anunciasse que os médicos que desejassem poderiam permanecer no Brasil, o que afetaria a vinculação de outros profissionais cubanos em programas semelhantes pelo mundo.


VOLTAR PARA O ESTADÃO