13.08.2018 | 18h27

Critério da ‘masculinidade’ na PM

Um concurso aberto pela Polícia Militar do Paraná para cadetes homens e mulheres estabeleceu como um dos 72 critérios de seleção o grau de “masculinidade”, informa o G1.

Grupos ligados ao movimento LGBT repudiaram o edital, assim como profissionais da psicologia e do direito enxergam o critério como ato discriminatório. A PM responde que obedece a “procedimentos científicos e aprovados pelo Conselho Federal de Psicologia (CFP)”.


Mais conteúdo sobre:

policia militarParanámasculinidade
VOLTAR PARA O ESTADÃO