28.02.2019 | 15h43

Crise na Venezuela, Brasil e criminalidade

“A conversa pública está focada num aspecto específico do dilema que o Brasil enfrenta na Venezuela: até que ponto é justo e legítimo pressionar por uma mudança de regime em Caracas?”, questiona Matias Spektor na Folha.

A pergunta do colunista vem por conta da leitura de que os desdobramentos da crise na Venezuela não se esgotam na questão da democracia, elas afetam diretamente o Brasil em relação à criminalidade, por exemplo, pois a criminalidade brasileira tem conexão estrutural com a evolução da criminalidade no Caribe.


VOLTAR PARA O ESTADÃO