17.09.2018 | 08h20

Crise fiscal ignorada

Os candidatos a presidente repetem erros que levaram o País à recessão e ignoram, em suas campanhas, a grave crise fiscal e as formas de superá-la. A opinião é do economista José Alexandre Scheinkman, professor da Universidade de Columbia, em entrevista à Folha.

“Existe uma crise fiscal importante no Brasil e acho que, na discussão da eleição, essa crise fiscal está sendo ignorada em vários graus pelos diferentes candidatos. Ou, então, eles apresentam soluções mágicas, como a de que vão acabar com o déficit fiscal no ano que vem, coisa que você sabe que não vai acontecer”, afirma.


VOLTAR PARA O ESTADÃO