29.04.2018 | 12h47

Contrato de Temer na mira do TCU

Um contrato de R$ 300 milhões assinado às vésperas da votação da primeira denúncia contra Michel Temer está na mira de auditores do TCU.

O Globo obteve acesso a auditoria realizada em liberação de recursos pelo então ministro das Cidades, Bruno Araújo, para a conclusão das obras do BLT de Salvador, em julho do ano passado. Os auditores apontam “alta probabilidade da existência de grave infração à norma de finanças públicas voltada para a responsabilidade na gestão fiscal”.


VOLTAR PARA O ESTADÃO