08.08.2018 | 21h40

Continua polêmica da CPI tucana na Alesp

Tucanos na Assembleia de São Paulo rechaçaram a ideia de que uma CPI para investigar para apurar irregularidades em uma licitação da Secretaria de Educação denunciada pelo Uol,  atingiria o candidato do PSDB à Presidência da República, Geraldo Alckmin, como indicado pelo líder do governo Márcio França, Carlos Cezar.

“Tudo que se faz de oposição eles tentam sair desta forma”, disse o líder do PSDB na Alesp, Marcos Vinholi. “A licitação inteira foi feita no governo Márcio França, análise das propostas, mudança dos membros da comissão julgadora. Não faz o mínimo sentido”, afirmou.


VOLTAR PARA O ESTADÃO