24.09.2018 | 06h11

Contagem regressiva do BR18: faltam 13 dias

As duas últimas semanas de campanha vão mostrar se a pregação do PSDB pela união dos candidatos do chamado centro terá força para conter a cada vez maior polarização das intenções de voto em torno de Jair Bolsonaro e Fernando Haddad, ou se o segundo turno entre PSL e PT se cristaliza. Outro cenário é o ímpeto de crescimento de Bolsonaro, justamente esvaziando essas candidaturas de centro-direita, ser de tal monta que aumente a possibilidade de vitória já no primeiro turno. A pesquisa FSB/BTG Pactual aponta essa tendência, mas, entre as disponíveis, ela tem sido aquela a apontar maior percentual para o deputado. / Vera Magalhães


VOLTAR PARA O ESTADÃO