16.07.2018 | 18h51

Como se escolhe ministro no Brasil

No início do ano, o deputado federal Pedro Fernandes (PTB-MA) foi convidado por Michel Temer e aceitou assumir o Ministério do Trabalho. Por pressão de José Sarney (MDB), seu adversário local, acabou vetado. Em entrevista ao jornal O Imparcial, Fernandes, que se prepara para deixar a política, narra como Sarney influenciou a decisão de Temer. “Tinha que beijar a mão e eu não quis beijar a mão”, afirma.

“Fui indicado pelo PTB. O presidente aceitou. Depois que ele aceita e marca a posse, volta atrás e pede para que eu converse com os seus correligionários do Maranhão (do MDB, partido do Sarney). O que coloquei para eles lá é que se o convite, antes de ser aceito, tivesse essa condicionante, não teria problema, eu conversaria, tentaria construir, o que seria bom. Mas não fiz assim porque sou indicado, sou aceito, acerto a posse, vai sair a nomeação e aí alguém me veta. Então, não poderia mais aceitar”, narrou na entrevista a oposição jornal maranhense. /M.M.


VOLTAR PARA O ESTADÃO