08.04.2018 | 16h44

Comemorar, sem se iludir

Em texto sobre a prisão de Lula, Mario Vitor Rodrigues na Istoé, escreve: “Nenhum brasileiro em nossa história recente jamais reuniu tanto poder moral e político. Assim como ninguém enganou tantas pessoas ao instrumentalizar esse mesmo cacife.”

O colunista defende que há motivos para comemorar, especialmente pelo peso histórico do presidente. Para Mario, o encarceramento do ex-presidente aumenta as chances de renovação e significa a sobrevivência da Lava Jato. No entanto, ele alerta que é preciso “pressionar ainda mais o STF, demonstrar apoio à Polícia Federal e a juízes como Sergio Moro” para erradicar do senso comum a noção de impunidade.


Mais conteúdo sobre:

prisão de Lula
VOLTAR PARA O ESTADÃO