26.08.2018 | 08h20

Colégio militar sai caro

Repetido exaustivamente por Jair Bolsonaro como parte de sua “solução” para a educação brasileira, os colégios militares têm um custo por aluno três vezes maior do que a média de rede pública: R$ 19 mil contra R$ 6 mil. Isso proporciona aos estudantes nas 13 escolas geridas com verba do Ministério da Defesa certas benesses que parecem coisa de outro mundo se comparadas com a maioria das instituições mantidas pelo MEC: professores com salário superior a R$ 10 mil, piscinas e laboratórios de robótica.

O custo para manter hoje todos os alunos da rede pública de ensino em colégios militares seria de R$ 320 bilhões, o triplo do orçamento do Ministério da Educação, segundo o Estadão.


VOLTAR PARA O ESTADÃO