27.07.2018 | 17h36

Cinco CPIs no meio da campanha eleitoral

Em pleno período eleitoral, o Senado pode ter até cinco CPIs em funcionamento, segundo o próprio site da Casa. São elas: Preço dos Combustíveis, Planos de Saúde, Setor Elétrico, Salário dos Servidores e dos Maus Tratos, que pode ser prorrogada.

Segundo o regimento interno do Senado, não há há limite para a abertura de CPIs. O problema é a exigência de que elas devem ser encerradas na mesma legislatura. Ou seja, durante boa parte do segundo semestre os senadores irão dividir atenções entre as investigações e a campanha eleitoral.


Mais conteúdo sobre:

senadoCPI
VOLTAR PARA O ESTADÃO