27.03.2018 | 10h17

Celso avisa: voto será longo

O decano Celso de Mello, famoso por seus votos caudalosos e looooongos nas sessões do STF, avisou aos colegas já na semana passada que vai avançar no mérito geral da prisão ou não após condenação em segunda instância ao analisar o habeas corpus de Lula.

Como se trata de uma questão doutrinária de suma importância, na qual Mello hoje está vencido e pela qual tem apreço, advertiu aos demais ministros que o voto será ainda mais longo que o tradicional. / V.M.


Mais conteúdo sobre:

STFLulahc do lula
VOLTAR PARA O ESTADÃO