07.02.2019 | 13h27

Castello Branco sem paixão por ativos

O presidente da Petrobrás, Roberto Castello Branco, fala ao Valor se será possível salvar algum ativo da estatal no atual processo de desalavancagem: “Não existe nada inegociável, tudo depende do preço. Não tenho paixão por nenhum ativo. Aliás, tenho paixão por ativos de classe mundial. Esses (ativos) devem ser a nossa paixão. O pré-sal, por exemplo, é uma paixão. Não temos apego a ativos”.


VOLTAR PARA O ESTADÃO