27.04.2018 | 18h38

Calote de R$ 1,164 bilhão? Caracas!

O presidente Michel Temer encaminhou ao Congresso o texto de lei que abre crédito suplementar no valor de R$ 1,164 bi para honrar o calote dado por Venezuela e Moçambique, referente a empréstimos junto ao BNDES e bancos que têm como avalista, no fim das contas, o Ministério da Fazenda.

De acordo com o Broadcast Político, na última quarta, 25, o Congresso se recusou a aprovar um crédito de R$ 1,5 bi que teriam a mesma finalidade.


VOLTAR PARA O ESTADÃO