01.02.2019 | 18h53

‘Bunker’ do DEM entre euforia e tensão

A cúpula do DEM montou um “bunker” na liderança do partido na Câmara para acompanhar as eleições nas duas casas. A expetativa diante da possibilidade de pela primeira vez na história comandar simultaneamente Câmara e Senado transparece no semblante e nos comentários dos principais caciques.

ACM Neto, a ministra Tereza Cristina, o vice-governador de São Paulo, Rodrigo Garcia, e o ex-ministro Mendonça Filho recebem informações do Senado diretamente de assessores e aliados. / V.M.


VOLTAR PARA O ESTADÃO