18.03.2018 | 11h54

Brasileiro suspende parceria com empresa acusada de comprar dados do Facebook

O publicitário brasileiro André Torreta suspendeu temporariamente um contrato de parceria com a Cambridge Analytica, acusada de comprar ilegalmente dados do Facebook para usar em campanhas políticas, entre elas a de Donald Trump. A plataforma de dados da empresa britânica seria usada nas eleições brasileiras. Reportagem do Globo mostra que o empresário vai sustar as negociações até que a Cambridge explique as acusações.

A violação dos dados pela empresa foi revelada pelo New York Times na sexta-feira, e o Facebook suspendeu a empresa, que não pode mais manter páginas nem comprar anúncios na rede social.


VOLTAR PARA O ESTADÃO