08.04.2018 | 12h59

Brasil ‘exportador de corrupção’

O ex-presidente Lula foi condenado pelo triplex no Guarujá, mas não para por aí, escreve Eliane Cantanhêde no Estadão. Para a colunista, o caso é parte de um contexto mais amplo.

“Foi nessa simbiose entre Lula e elas (empreiteiras) que o Brasil virou um exportador de corrupção para América Latina, Caribe, África e Europa”, afirma Cantanhêde. “Mas o revertério pega de jeito não só ele, mas também os aliados que entraram no esquema internacional. Ou seria pura coincidência que Lula esteja às voltas com a Justiça ao mesmo tempo que outros ex-presidentes, como o do Peru.”


Mais conteúdo sobre:

Eliane CantanhêdePTprisão de Lula
VOLTAR PARA O ESTADÃO