24.08.2018 | 10h53

Bom para Lula, ruim para o PT

“A estratégia de Lula de levar sua candidatura até o prazo fatal de 17 de setembro, quando a Lei Eleitoral permite a troca de nomes dos candidatos, está sendo boa para ele próprio, que sobe nas pesquisas, mas pode causar problemas para o PT”, analisa Merval Pereira no Globo. Anunciado de última hora e sem a imagem do ex-presidente, Fernando Haddad terá dificuldade em se fazer conhecer, principalmente no Nordeste, onde ainda é Fernando ‘Andrade’.


VOLTAR PARA O ESTADÃO