17.04.2018 | 11h01

Boia de salvação

Advogado de quatro réus na Lava Jato, o criminalista Pierpaolo Bottini defende o Legislativo como instância do debate sobre execução provisória de pena.

A estratégia casa com o temor de que a Supremo Tribunal Federal vote contra quem está condenado em segunda instância. “Se há uma lei que veda a prisão antes do trânsito em julgado, e ela não foi declarada inconstitucional, deve ser respeitada ou modificada pelo Congresso”, afirma nesta terça, 17, em artigo na Folha.


Mais conteúdo sobre:

STF
VOLTAR PARA O ESTADÃO