20.02.2019 | 11h10

Bivar: ‘Não penso em deixar o partido’

Em meio a suspeitas sobre o uso de candidaturas “laranja” pelo PSL, partido do presidente Jair Bolsonaro, na eleição de 2018, o presidente da sigla, deputado Luciano Bivar (PE), afirmou na manhã desta quarta-feira, 20, que não pretende deixar o PSL. “Não penso em deixar o partido”, disse.

Bivar também defendeu o ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio que está com depoimento marcado pelo MP-MG para prestar esclarecimentos sobre a suposta utilização de candidaturas “laranja” por seu grupo político no Estado. “É um cara corretíssimo e o Jair deve muito ao esforço dele”, informou o Broadcast Político.


VOLTAR PARA O ESTADÃO