24.05.2019 | 18h52

‘Bancada da selfie’ defende-se

Após serem flagrados mais preocupados com suas lives nas redes sociais do que na votação em andamento no plenário, membros da “bancada da selfie” do PSL defenderam a necessidade da “comunicação direta” com seu eleitorado nos mais diversos momentos. Vice-líder do PSL, o deputado Filipe Barros, avisou que “está levando a população para dentro do plenário pelo celular”. “Continuarei fazendo. Isso é transparência”, escreveu. Seu colega de PSL, Carlos Jordy (RJ) também manterá a postura. “Não somos bancada das lives, somos a bancada que se comunica com seu eleitor, que mostra o que acontece no dia a dia da política. Os tempos mudaram, esse é o novo modo de fazer política, acostumem-se.”


VOLTAR PARA O ESTADÃO