14.11.2018 | 20h54

Bachelet fala em ‘desinformação’ nas eleições brasileiras

Michelle Bachelet, ex-presidente chilena e atual alta comissária de Direitos Humanos da ONU, apoiou a candidatura de Lula nas eleições presidenciais brasileiras deste ano, assinando uma carta pedindo para que o petista pudesse concorrer. Agora, com a eleição de Jair Bolsonaro, ela vê o pleito como exemplo de influência da “desinformação” sobre os eleitores do Brasil.

“Seja na eleição presidencial dos EUA, no referendo sobre o Brexit no Reino Unido ou nas recentes eleições no Brasil e Quênia, onde pesquisas falsas e desinformação foram amplamente compartilhadas, estamos vendo um aumento do uso de campanhas de desinformação e robôs nas redes sociais para influenciar opiniões e escolhas de eleitores individuais”, afirmou, segundo o Estadão.

 


Mais conteúdo sobre:

Michelle BacheletONUeleições
VOLTAR PARA O ESTADÃO