06.07.2018 | 17h39

Auxílio-educação de R$ 7 mil é boato

Nas últimas semanas tem corrido no WhatsApp um boato de que os filhos de juízes receberão auxílio-educação de R$ 7 mil. Isso não é verdade. O Estadão Verifica esclarece que, apesar dos diversos benefícios aos magistrados, apenas o Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro oferece o auxílio-educação, mas com teto de R$ 3.030.


VOLTAR PARA O ESTADÃO