13.01.2019 | 19h24

Aumento do STF já foi adotado em nove Estados

Já são nove os Estados que incorporaram o reajuste dos vencimentos pagos aos ministros do Supremo Tribunal Federal, aprovado pelo Congresso no fim do ano passado. Na sexta, desembargadores de São Paulo e Pernambuco passaram a adotar o aumento, segundo informa reportagem do Estadão. Com isso, passam a ter subsídios fixados em R$ 35.462,22 – correspondente a 90,25% do salário dos ministros do STF, teto do funcionalismo público. Nessa conta não estão incluídos o que recebem como auxílios ou gratificações.

Agora, um terço dos Estados já foi atingido pelo efeito cascata do aumento dos ministros do STF: São Paulo, Pernambuco, Rio Grande do Sul, Paraná, Amazonas, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Piauí e Sergipe.

 


Mais conteúdo sobre:

aumento do Supremo
VOLTAR PARA O ESTADÃO