26.07.2018 | 16h37

As mulheres de Alckmin

O balão de ensaio da vez são os nomes de mulheres para a vaga de vice de Geraldo Alckmin. A deputada Tereza Cristina (DEM-MS) tem dificuldade de prosperar porque não conta nem com aval do próprio partido. A vice-governadora do Piauí, Margarete Coelho (PP), tem o apoio de Ciro Nogueira, mas o fato de ser vice do petista Wellington Dias é considerado um passivo complexo de explicar a não ser pelos vícios da velha política.

No time feminino, quem conta com a maior simpatia por parte do próprio Alckmin é a senadora Ana Amélia (PP-RS). Mas é justamente quem menos tem chance: não é alguém da confiança do centrão, que quer apresentar ao tucano um nome com seu carimbo de procedência. Benjamin Steinbruch, o “bendito fruto entre as mulheres” na lista, não é visto como um candidato para valer pelo entorno de Alckmin. / Vera Magalhães

 


VOLTAR PARA O ESTADÃO