15.07.2018 | 07h41

As fraquezas que os candidatos ainda não superaram

De 2015 para cá, pouca coisa mudou no que diz respeitos as fraquezas de cada um dos pré-candidatos. Segundo a Folha deste domingo, Bolsonaro continua fraco entre as mulheres e no Nordeste. Geraldo Alckmin perdeu terreno para o deputado federal e também sofre na região Norte/Nordeste. Lula (que deve tentar transferir seus pontos fortes para outro nome do PT) vai mal no eleitorado mais rico do Sul/Sudeste. E Ciro não consegue conquistar os jovens.


Mais conteúdo sobre:

eleições
VOLTAR PARA O ESTADÃO