19.02.2019 | 14h56

Após operação, Doria discute destino de Aloysio

O governador João Doria (PSDB-SP) vai se reunir com o ex-chanceler Aloysio Nunes nesta tarde de terça, 19,  para definir o futuro dele na administração tucana, onde ocupa atualmente o cargo de presidente da Investe São Paulo (Agência Paulista de Promoção de Investimento e Competitividade), informa o Estadão.

Endereços ligados a Nunes, incluindo o apartamento onde mora no bairro Higienópolis, em São Paulo, foram alvo de mandado de busca e apreensão da Operação Ad Infinitum, fase 60 da Lava Jato. Doria só vai se manifestar depois da reunião, mas auxiliares e aliados do governador acreditam que ele deve aplicar a mesma solução do caso Gilberto Kassab, que pediu licença do cargo para se defender de acusações de corrupção no caso JBS.


Mais conteúdo sobre:

João DoriaAloysio Nunes
VOLTAR PARA O ESTADÃO