15.03.2018 | 07h14

Aliados de Alckmin veem vantagem em ter governista ‘de raiz’ no páreo

A candidatura de Michel Temer ou a de Henrique Meirelles pelo MDB pode não ser tão ruim para Geraldo Alckmin –desde que não atraia muitos partidos para a aliança, o que tiraria muito tempo de TV do tucano.

A avaliação, que surpreende por ser diferente da voz corrente no tucanato, foi feita ao BR18 por um dos principais estrategistas que já atuam full time na pré-campanha de Alckmin. Um governista “de raiz” desincumbiria o governador paulista de ter de defender o legado de Temer. Assim, ele poderia fazer o discurso apenas do futuro, defendendo as reformas, sem ter de carregar um governo ainda muito impopular. E no segundo turno, aí sim, estariam todos juntos. A conferir. /Vera Magalhães


VOLTAR PARA O ESTADÃO