13.03.2018 | 16h40

Aliados acham que Temer errou ao não enfrentar o Judiciário na indicação de Cristiane Brasil

Dirigentes do MDB avaliam que o presidente Temer poderia ter “freado os arroubos” do Judiciário se tivesse bancado até o fim a nomeação da deputado Cristiane Brasil (PTB-RJ) para o ministério do Trabalho.

A indicação da deputada foi derrubada pelo Judiciário e Temer acabou escolhendo outro ministro para acabar com a crise política do episódio.

Medebistas imaginam que se Temer tivesse peitado o Judiciário no caso de Cristian não estaria enfrentando o problema atual. / M.M.


Mais conteúdo sobre:

Michel TemerJudiciário
VOLTAR PARA O ESTADÃO