07.08.2018 | 11h49

Aliado de Bolsonaro ficou a pé

Um dos parlamentares mais próximos de Jair Bolsonaro dentro do Congresso, o deputado Delegado Francischini (PSL) teve de desistir da campanha para o Senado pelo Paraná. Segundo informa o repórter Eduardo Bresciani, de O Globo, o isolamento do PSL no Estado não permitiu que ele conseguisse montar uma aliança viável para concorrer ao Senado. Os favoritos para as duas vagas no Estado são Roberto Requião (MDB) e Beto Richa (PSDB).

Pior: Francischini sequer poderá tentar a reeleição para a Câmara porque já tinha inscrito o filho. Assim, sobrará apenas a eleição para deputado estadual. /M.M.


VOLTAR PARA O ESTADÃO